top of page
  • Francisco Weyl

O cinema entre o tradicional e o contemporâneo nas ondas da Rosário FM de Bragança


O cinema entre o tradicional e o contemporâneo na Amazônia Paraense será o tema da quarta roda de conversa que o VIII FICCA vem realizando às quartas-feiras, entre 15h e 16h, no âmbito do programa do professor e radialista Beto Amorim, em parceria com a Rádio FM 106.7 de Bragança do Pará.

Os professores e realizadores Alessandro Ricardo Campos, do Festival de Cinema Etnográfico, e Evandro Medeiros, do Festival Cinema de Fronteira, são os convidados do dia 30 de Novembro.

As rodas são um aquecimento para o Fórum Audiovisual Amazônia Caeté, que o FICCA está convocando em parceria com diversos atores sociais e artistas criadores e fazedores cultura além de técnicos culturais que atuam em instituições públicas, sendo a meta reunir a apresentar propostas para o desenvolvimento da cadeia audiovisual no Município de Bragança.

VIII FICCA é organizado pela ARTE USINA CAETÉ, em parceria com o Centro Cultural Cineclube Casa do Professor, Cineclube Amazonas Douro, WFK-Direitos Humanos, Multifário Arte, com patrocínio do Governo do Pará, via Lei Semear/Fundação Cultural do Pará, Prêmio Preamar/Secretaria de Estado da Cultura.

© FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DO CAETÉ

Curador: Carpinteiro de Poesia

#ficca #ficcafestival #ficcacinema #viiificca #cinemaamazônico #cinemadocaeté #bragançadopará #estéticasdeguerrilhas #tecnologiasdopossível #poeticasdagambiarra #carpinteirodepoesia


Programação das rodas de conversas


Rosário FM 106.7 com transmissão pela Internet

Programa Beto Amorim, 15h/16h

Mediação: Francisco Weyl / Dani Franco


E, neste mês já foram realizados três debates:

DIA 9.11 – O cinema das mulheres amazônidas (Célia Maracajá, Nani Tavares)

DIA 16.11 - Poéticas e estéticas cinematográficas quilombolas (Roseti Araujo, Rosilene Cordeiro)

DIA 23.11 - Do cinema de rua ao cinema de escola (Mateus Moura, Beto Amorim)


E está agendado um último debate, dia 7 de Dezembro, véspera da abertura do FICCA, com a presença internacional dos realizadores Luís Costa (Portugal) e Júlio Silvão (Cabo Verde).


24 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page